segunda-feira, 17 de julho de 2017

Vamos falar de acústica?

No meu instagram (@jurfaria) na semana passada, eu pedi aos meus seguidores que me dissessem um assunto que eles gostariam de ver aqui no blog. O primeiro deles foi a respeito de acústica.

Em janeiro de 2013 eu fiz esse post AQUI .
E hoje vou complementar as informações, principalmente no que toca à casas geminadas.
Para quem não sabe, casa geminada é aquela que as paredes são divididas com o vizinho, ou seja, a mesma parede da sua sala é a parede da sala do seu vizinho. E nesse tipo de construção é bem comum a queixa de barulho... Até conversas, dependendo da espessura da parede, podem ser ouvidas, e isso não é nada legal, né?

Bem, no caso dessas paredes compartilhadas, uma boa solução é você fazer uma parede nova por cima, que pode ser drywall, afastada 5cm. O segredo está em utilizar a manta de lã de vidro ou de rocha no meio dessas duas paredes.



O ideal é que você contrate um profissional que possa te auxiliar a silenciar a sua casa. Nada como a ausência de ruídos para podermos viver melhor!

quarta-feira, 28 de junho de 2017

IIluminação compacta

Finalizei um projeto esses dias e precisei encontrar um abatjour de medidas reduzidas para colocar em uma mesa lateral pequena também. Quem me segue no InstaGram (@jurfaria) viu o resultado final. Ficou show!
E então eu resolvi dar uma olhada para ver outras peças compactas que vocês podem colocar naquele canto que precisa de uma luz mas não cabe um abatjour tradicional!

 Esse é o Palma, da designer Cristiana Bertolucci. Ele é de freijó maciço com cobre. 22 cm altura x 14 cm largura.


 Este é o Mini Grun, vendido na Leroy Merlin. Ele é de madeira pintada de cobre e tecido. 25 cm altura x 20 cm diâmetro


 Estes são o Bloc da Interpam. São de alumínio pintado, podem variar as cores. 30 cm altura x 6,9 cm largura


 Já este modelo é o Blom, da Fontana Arte. Ele é de Polietileno, policarbonato e alumínio. Também tem em outras cores e ele tem 24 cm de diâmetro.


 O abatjour Brotas também é da Cristiana Bertolucci, e é de latão e cobre. As cores também podem ser alteradas. 18 cm de altura, já com a lâmpada.



Abatjour Cyprium da Etna. A base não foi informada o material e o corpo é de cobre. 17 cm de altura x 20 cm de largura


E para finalizar, o Binic, da Foscarine. Esse foi o escolhido da casa da minha cliente! Ele é de polietileno e as medidas são 14 cm altura e 12 de diâmetro.

terça-feira, 23 de maio de 2017

Reforma - Quanto custa?

Esse projeto foi desenvolvido há bastante tempo, e a cliente me chamou para reformar o sofá e poltrona da sala porque os tecidos estavam muito desgastados e precisando trocar.
Ela não queria mudar a proposta inicial porque as cores a atendem muito bem. Tanto o sofá quanto o banco estavam revestidos de couro sintético, e hoje a qualidade deste material não é a mesma de antes, ele quebra e rasga muito rápido...
Optei por um tecido em um tom um pouco mais escuro para o sofá e no mesmo tom para o banco. Deixei a diferença e a novidade para a poltrona. É a primeira peça que vemos ao entrar no apartamento e seria bem interessante chamar a atenção para ela!

antes

depois


Foi preciso também melhorar as almofadas do assento do sofá pois já estavam meio deformadas. O estofador conseguiu nos atender na escolha dos tecidos do sofá e banco. Já para a poltrona, fui na Donatelli fazer a especificação (no meu insta @jurfaria eu postei as opções).

Total investido:
Mão de obra das 3 peças e tecido do sofá e banco - R$ 2.500,00
6m de tecido Donatelli - 180,00 + 75,00 do frete

Foi ou não uma mudança que valeu muito à pena? Com bons profissionais e boas especificações a casa pode se transformar a um custo bem interessante!

Quem se interessar, o estofador é o Betão - (31) 98501.4126

segunda-feira, 15 de maio de 2017

Revista Cidade

Mais uma edição da Revista Cidade com a minha coluna de decoração, dando dicas sobre quartos de casal!! E aqui (http://www.shoppingcidade.com.br/site/)  você confere a revista na íntegra!





segunda-feira, 24 de abril de 2017

Projeto: cobertura

 Esses clientes alternam entre morar em Belo Horizonte e no sítio deles. E queriam ter um apartamento pequeno, mas aconchegante para receber os filhos e os netos quando estivessem por aqui. O apartamento é de dois quartos e embaixo o espaço da sala foi ocupado pela sala de jantar que eles utilizam no dia a dia. Já no segundo andar, a ideia era ter uma sala de TV, um espaço gourmet com uma pequena área externa para aproveitar e uma área de serviço!


 No espaço gourmet, em cima da bancada utilizei um porcelanato da Ceusa que imita ladrilho hidráulico e as cores das paredes foram escolhidas de acordo com os tons do porcelanato.
A mesa de madeira de demolição traz a rusticidade que os proprietários desejavam.


 Na sala de Tv, optei por usar tons mais neutros e no sofá um tom de café para que os netos tenham liberdade de deitar, comer, etc e a sujeira fica mais escondida.





Como o sol bate o dia todo na cobertura, optei por utilizar uma ducha que foi inserida em uma parede revestida de pedra.


 A área de serviço ficou bem escondida e funcional.




terça-feira, 4 de abril de 2017

Projeto: Cobertura

Quem conhece Belo Horizonte sabe que nosso cartão postal é a Serra do Curral. É uma montanha enorme e que está numa parte alta da cidade, a vista é linda. Agora, ter uma cobertura que dá para essa vista, é demais!
Fui chamada para fazer a decoração há alguns anos atrás e recentemente fui novamente convocada para realizar apenas a troca de revestimentos de piso da cobertura, pois havia alguns problemas com o revestimento antigo. Aproveitei e troquei as luminárias por peças mais eficientes, para melhorar a qualidade da iluminação lá fora.

As paredes eram revestidas por cerâmica 10x10 verde e o piso uma cerâmica acinzentada manchada. A área da piscina recebeu porcelanato madeira da Ceusa e as paredes textura com pintura por cima. A piscina tinha cerâmica azul e optei pela mescla em tons de verde.



Já na parte interna a opção foi por um porcelanato acetinado em tom de bege queimado. Na área externa, no piso, a opção foi por um da cor similar, mas com textura apropriada para não escorregar. Essa parede de ladrilhos foi feita na época da primeira reforma e ainda continua atual. Substituí a porta de um armário que existia por outra de madeira de demolição para compor com os demais móveis de lá.





quinta-feira, 23 de março de 2017

Por aí: Stark Studio

Era uma vez um espaço super agradável, uma casa gostosa, rodeada por um jardim lindo. Imaginou? Agora imagina que essa casa é um outlet de móveis! E de grandes lojas de decoração daqui de Belo Horizonte! Quem me segue no Instagram (@jurfaria) já viu algumas fotos do que a gente encontra por lá. A Stark Studio, além de contar com esse acervo de móveis, também oferece obras de arte, tapetes e peças desenvolvidas pelo dono de lá, o Sérgio Stark. Ele e a Juliana (arquiteta e esposa dele) comandam o espaço super charmoso. 
Algumas das lojas que estão lá: Micheliny Martins, Accervo Design, Anno, Mob, INside, Papilio Tapetes, Tetum...
Se você está procurando alguma coisa para sua casa, de pronta entrega, lá é o lugar! Vale a visita!!





 

Eu adoro essa peça que foi desenvolvida pelo Sérgio. É a Torre. Bancos que se encaixam por cima dos outros e te permitem montar uma estante da forma como te convém. 


A Stark Studio fica na rua Sebastião Stokler 140, Buritis. Aqui você pode ver o site!
Não tenho interesse em prejudicar ninguém, muito menos ferir direitos autorais. Se alguma foto que ilustra o blog é de sua autoria e não lhe foi dado o devido crédito, envie um email que terei prazer em mencionar. Caso você queira que a sua foto seja retirada, atenderei sua solicitação de imediato!